Paciente sexo feminino queria trocar a PPR ( prótese parcial removível) por implante.

Muito difícil o planejamento, paciente tem problemas periodontais e perda de dimensão horizontal e vertical na região anterior.

oclusão
Oclusão ANTES

Com o acompanhamento da periodontista, resolvemos fazer a reabilitação,  inicialmente foi feito um enxerto para tentativa de recuperação da perda óssea horizontal. Por indicação da periodontista a unidade 23 foi extraída. Foi confeccionada uma coroa metalo cerâmica na unidade 24.

Após o enxerto e o período de espera de 4 meses foi feita a cirurgia para colocação dos implantes (neodente) :

implante
Implantes
implante
Implantes

Nota-se que na coroa metalo cerâmica na unidade 24, houve recessão gengival durante a cirurgia de implante. Foram confeccionados provisórios para verificação da estética e condicionamento gengival. Nos provisórios ficou claro a perda óssea e a necessidade da prótese sobre implante definitiva ser feita com gengiva de cerâmica para uma melhor estética do caso clínico :

provisório
Provisório sobre implante

Prova da estrutura metálica sobre implante:

protese sobre implante
Estrutura metálica
protese sobre implante
Estrutura metálica (vista palatina)

 

Prova do enceramento diagnóstico para aplicação da cerâmica, observar a diminuição do tamanho dos dentes com a gengiva em comparação aos dentes da prótese provisória sobre implante :

 

enceramento de protese sobre implante
Enceramento da PSI

Caso clínico concluído :

impalnte
oclusão
Prótese sobre implante
Sorriso

 

Foi sugerido uma faceta de porcelana para o dente 13, após tentativa de clareamento, a paciente não quis 🙁 , então resolvi fazer por “cortesia” rsrs,  uma faceta de resina, não achei que a cor ficou boa, mas a paciente ADOROU, paciência 😉

Vejam:

implante
oclusão/sorriso (Depois)

Fonte fotos : Clínica CASO

Gostaram? Comentem, eu ADORO!!!

Beijocas

6 Comments

  1. Sou estudante de prótese dentária…
    e fico totalmente fascinada ao ver trabalhos tão perfeitos como esse, Tais profissionais devem ser valorizados.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

error: Alerta: Conteúdo Protegido !!